segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Pente Captain Fawcett



Aqui pelo blog praticamente só se fala sobre produtos usados por mim, mas a verdade é que volta e meia me vejo a comprar produtos de homem online seja para o meu pai, seja a pedido do meu namorado. Das duas uma, quando compro online é porque são mais baratos ou porque por cá não se encontram ainda determinadas coisas.

Por exemplo, na Exposcosmética todos os anos temos comprado produtos de barba para homem. Actualmente já há por aí muitas barbearias, o meu namorado compra cera, óleo, escovas para a barba mas andava há imenso tempo a pedinchar-me um pente, que fosse mais prático por cá não encontrava. 

Na Notino há sempre uma grande oferta de produtos de homem portanto no Natal resolvi mandar vir um pente para a barba que tanto queria! Encomendei um pente da Captain Fawcett desdobrável para poder levar facilmente para qualquer lado.

Captain Fawcett é uma marca Inglesa especializada em produtos para a barba e bigode e muitos dos produtos, à semelhança deste pente são artesanais. 

Se tiverem namorados/maridos com barba ou bigode fica a dica... O meu já não dispensa uma boa escova, óleo hidratante e cera para não andar todo desgrenhado! 

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Novex Óleo de Coco e Broto de Bambu




Chega o Inverno e sinto-me sempre extremamente condicionada nos produtos que posso usar, a minha pele fica muito sensível e vejo-me quase sempre a usar cremes para peles intolerantes e sensíveis e pouco mais. É vira o disco e toca o mesmo e fico sem muito assunto para falar por aqui...

No que toca ao cabelo, por volta de Novembro passado começou-me a cair imenso cabelo e sentia-o seco e resolvi ir buscar dois shampoos da Novex que já tinha cá por casa mas ainda não lhes tinha dado uso.

O primeiro é da linha Broto de Bambu que a marca promete combater a porosidade e ressecamento dos fios, repor a água e vitaminas, preencher a fibra capilar e regenerar a estrutura do cabelo, recuperar a massa capilar perdida por causa de processos químicos, restaurar a força e combater a quebra do cabelo e estimular o crescimento dos cabelos. 

Este shampoo é recomendado para cabelos finos e frágeis. O meu cabelo não tem nada de fino mas estava a cair muito e como ele prometia estimular o crescimento resolvi experimentar. Coincidência ou não, senti a queda diminuir ligeiramente e os fios ficavam com muita mais espessura (o que dispensava). Gostei deste shampoo e voltaria a comprar.

Em segundo lugar o shampoo de óleo de coco, sem sal, que comecei a usar depois de o broto de bambu ter acabado.  Promete hidratação dos fios, reforçar a estrutura capilar, deixar os cabelos lisos e disciplinados e tem uma acção antioxidante. O meu cabelo não se deu mal com ele mas não acho que seja um produto que qualquer pessoa consiga usar. Ele faz ligeiramente menos espuma do que o normal e tem uma textura mais rica, como um condicionador. É extremamente hidratante pelo que um cabelo normal a oleoso não me parece que o consiga usar.

Agora a queda de cabelo parou bastante mas o couro cabeludo começou a ficar tão seco e sensível que comecei a usar um shampoo para a caspa. Agora está bastante mais saudável! O que vale é que os dias já começam a aquecer... Têm alguma sugestão de produtos bons para este problema??

Já alguém usou algum destes dois shampoos?


sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Clarins Everlasting Cushion Foundation


Uma das mais recentes bases da Clarins é a Everlasting Cushion Foundation+ que promete ser uma base de longa duração, adequada a todos os tipos de pele e que providencia uma pele hidratada com um efeito glowy na pele. 

Está disponível em oito cores e a minha é a tonalidade mais escura para as peles consideradas claras, o 108 Sand, a quarta cor mais escura. Por cá, segundo a informação que me fizeram chegar só está disponível em quatro cores.



Esta base, como o nome indica, vem no sistema Cushion, para quem não sabe é uma base fluída, como uma base líquida em frasco mas que vem numa embalagem como as bases em pó. Vem com uma esponja e quando pressionamos é libertado o produto. Depois aplica-se no rosto com ligeiros toques. É perfeita para quem não tem muito jeito para aplicar base porque é quase impossível errar e aplicar produto em demasia. É portátil e prática como uma base compacta mas com uma textura igual a uma base fluída. Uma das vantagens é que tem SPF 50/PA+++, o que a torna perfeita para usar todo o ano mas principalmente no Verão e em viagem. A tampinha deve ficar sempre bem fechada para que o produto não seque. A única coisa que não me agrada nestas bases é que a embalagem acaba por ficar toda suja por dentro.

Esta base promete preservar a hidratação da pele ao longo do dia e uma cobertura elevada. Obviamente o efeito da base vai depender do vosso tipo de pele...

Da minha experiência com esta base não acho que tenha muito o efeito luminoso que promete, talvez para quem tenha pele oleosa sinta mais isso, na minha pele pareceu-me até ligeiramente matte. A marca descreve a luminosidade desta base como sendo luminoso sem excesso de brilho, na minha opinião ela está entre o matte e o luminoso, q.b. para aparentar uma pele saudável.  A cobertura é leve a média, obviamente quanto mais insistirem maior vai ser a cobertura mas eu gosto da base com um aspecto natural. Na minha pele também pede um bom hidratante primeiro e eu costumo usar sempre e um primer para esse efeito antes da base. Em termos de durabilidade ela é bastante boa e consegue-se um acabamento natural. 

Tenho gostado bastante de usar esta base mas a minha pele no Inverno tem tendência a desidratar e tem estado bastante frio nos últimos tempos. Sinto que a vou usar bastante quando começar a chegar o calor, embora goste de bases com um acabamento bastante "glowy" que me dão um ar mais hidratado e repulpado à pele.

O melhor desta base é que, apesar de custar cerca de 45€ é recarregável.










quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Miu Miu L'Eau Bleue


Tinha eu prometido numa publicação anterior falar sobre mais alguns dos meus perfumes. Assim sendo, hoje trago-vos mais um.

O Ange ou Demon do qual falei era uma paixão antiga e um perfume forte e marcante, mais propício para o Inverno ou para a noite, embora eu o uso em qualquer altura. É um dos meus perfumes para as ocasiões especiais, para saídas à noite, para um jantar, descrevê-lo-ia como um perfume para os meus dias confiantes.

Andava eu a escolher presentes de Natal e resolvi comprar perfumes e andei a cheirar imensos para ver se escolhia algo novo. Confesso-vos que ofereci aqueles que já sabia que a pessoa em questão usava e ia gostar mas acabei por me apaixonar por um novo perfume!!

Já não sei onde vi os frascos de perfume da Miu Miu e nunca tinha reparado neles. Achei-os tão bonitos que resolvi ir cheirar. Existe o Miu Miu - Miu Miu (que não faz de todo o meu estilo), um frasco azul opaco com tampa vermelho carmim que me faz lembrar uma qualquer pintura japonesa com o contraste de cores e depois existe o Miu Miu L'Eau Bleue.



E é aqui que começa a história.... borrifei-o num papel, gostei e trouxe-o para casa. Gostei mas não me apaixonou. Quando cheguei a casa pousei-o na mesinha de cabeceira (junto com outros papéis de vários perfumes) e havia algum ali no meio que sobressaía e que eu estava a adorar e não conseguia parar de cheirar no ar.

Quando cheirava o papel ficava na dúvida, será que gosto? Será que não gosto?... E a dúvida permanecia mas andei nisto dias e sempre a sentir o cheiro no ar do quarto e daqueles papéis que lá ficaram. É um perfume bastante floral e geralmente não é algo que goste muito. Depois tem algo nas notas que inicialmente me fazia lembrar um perfume de "avozinha". Depois de ler as notas do perfume penso que seria talvez a nota de coração de rosa que sentia já que, por norma, não sou apreciadora de perfumes com rosa na composição.

Tantas dúvidas, tantos dias às voltas com ele e o estranho entranhou-se. Posso dizer-vos que estou apaixonada por este L'Eau Bleue!!!!

Adoro a fragrância e adoro o frasco. Tudo nele é delicado. É um perfume Primaveril, é fresco, floral, mas que no fundo tem uma nota amadeirada que o faz prolongar-se e marcar a diferença! É um eau de parfum e a fragrância dura o dia inteiro e fica entranhada na roupa e no cabelo.



Este perfume floral foi lançado em 2016 e é assinado pela perfumista Daniela (Roche) Andrier. A nota de topo é Lírio do Vale, as notas de coração são flores brancas, dew Drop, Notas Verdes, Rosa Selvagem, Jasmim e Hedione e as notas de fundo sao Akigalawood e Almíscar Branco.

Agora soube que foi lançada a versão rosa, o Miu Miu L'Eau Rosée, um remake de um perfume de 2015 segundo li. É assinado pela mesma perfumista do anterior e promete notas cítricas e frutais. As notas de topo são Groselha, Bergamota, Limão siciliano e limão tahiti, as notas de coração são Lírio do Vale (mais uma vez), Pêssego, Pêra, Peônia e Rosa e as notas de fundo são Sândalo, Baunilha e Almíscar Branco. Ainda não tive oportunidade de o cheirar mas tenho-vos a dizer que já o quero!!!

E só porque vi esta imagem na internet e tem tudo a ver comigo partilho convosco:



Aromáticas Vivas


A publicação de hoje é sobre ervas aromáticas! Há uns anos atrás nos supermercados praticamente só se encontravam salsa, coentros, alecrim e pouco mais até que parece que as pessoas se começaram a interessar mais por temperar a comida com ervas aromáticas.

Cá por caso já há algum tempo que há sempre uns vasinhos de ervas aromáticas e o mais comum é ter sempre pelo menos um vaso de manjericão. Hortelã e Alecrim tenho dois tufos generosos plantados na varanda já há algum tempo. 

Desde o ano passado que além dos vasos pré-comprados no supermercado que tenho também semeado ervas aromáticas. Não é prático porque levam bastante tempo e cuidados a crescer mas porque é de certa forma divertido. Há algo de muito bom em ter ervas aromáticas em casa, então especialmente o manjericão perfuma o ar....




Para quem não está para estas andanças hoje em dia pode-se encontrar em qualquer supermercado vasos de aromáticas a um preço muito simpático que rondam 1€/1,50€. As Aromáticas Vivas são um exemplo disso e ainda por cima são produzidas em modo biológico, livres de herbicidas e pesticidas. Estão disponíveis na maioria das grandes superfícies comercias - Continente, Pingo Doce, Jumbo, Lidl, Minipreço, Intermarché, Aldi e E.lecrelc e oferecem uma vasta gama de aromáticas:

- Alecrim
- Cebolinho
- Coentros
- Erva Azeda
- Hortelã Pimenta
- Manjericão
- Mostarda (ou Mizuna)
- Orégãos
- Poejo
- Salsa
- Salvia
- Stevia 
- Tomilho
e pontualmente: cerefólio, estragão, manjerico, salva-ananás e sorrel dos bosques









A vantagem destas vasos é que podem ir colhendo conforme as vossas necessidades e nalguns casos elas voltam a nascer, como é o caso do manjericão e da salsa se apenas forem arrancando as folhinhas ao invés de cortarem o pé todo. Elas só precisam de uma boa luminosidade, com algum sol e serem regadas. Se as expuserem a sol directo durante muito tempo (na Primavera e Verão) elas acabam por espigar (ganham flor e acabam por morrer).

Para os ainda mais preguiçosos podem sempre optar pelas embalagens de ervas frescas já cortadas que é só abrir a embalagem e atirar para os cozinhados ou saladas! 

Quem por aqui é fã de aromáticas? Se quiserem saber mais sobre cada uma das ervas passem pelo Hortelã e Alecrim.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Blog Novo | Hortelã e Alecrim


Vim aqui partilhar convosco há dias que andava aqui numas andanças de jardinagem nas minhas varandas desde o ano passado e gostava de partilhar aqui no blog algumas experiências.

Depois de ponderar bem achei que seria melhor criar um outro blog dedicado ao tema, embora pontualmente possa partilhar algumas coisas em paralelo por aqui!

Pois bem, heis que nasce o Hortelã e Alecrim, um blog dedicado às minhas "jardinices" de varanda. Passem por lá e sigam, tanto o blog como a página de facebook